Lisboa

Instalado desde 1911, ano da sua fundação, no espaço do convento de São Francisco da Cidade, conjunto seriamente afetado pelo terramoto de 1755, o atual MUSEU NACIONAL DE ARTE CONTEMPORÂNEA – MUSEU DO CHIADO foi, após o incêndio que em 1988 afetou a zona, reinaugurado em 1994 sob projeto de renovação da autoria do arquiteto francês Jean-Michel Wilmotte.

O museu dá a conhecer a arte portuguesa moderna e contemporânea e promove o confronto com práticas artísticas de outras nacionalidades. A coleção do museu integra pintura, escultura, desenho e vídeo, entre outros.

A exposição permanente inclui obras portuguesas que abarcam o período entre 1850 e a atualidade. O museu apresenta também um programa de exposições temporárias.

É imprescindível a visita à Sala dos Fornos do século XIX e ao Jardim das Esculturas, com peças em bronze dos séculos XIX e XX.

LOCALIZAÇÃO
Rua Serpa Pinto, 4  |  1200-444 Lisboa  

HORÁRIO
. Terça a sexta-feira | 10h00 – 13h00 / 14h00 – 18h00 (últimas entradas às 12h30 e 17h30)
. Sábado, domingo e feriados | 10h00 – 14h00 / 15h00 – 18h00 (últimas entradas às 13h00 e 17h30)
. Entrada gratuita ao domingo até às 14h00 para cidadãos residentes em território nacional
. Encerra à segunda-feira

CONTACTOS
T. +351 213 432 148 | E. geral@mnac.dgpc.pt