Porto

O MUSEU DOS CLÉRIGOS é um espaço que se afirma pelo seu interesse patrimonial, e claramente pela mais-valia da oferta cultural da cidade do Porto, sendo possível aos visitantes nacionais e internacionais terem um contacto próximo com a realidade da Irmandade dos Clérigos – sua história, acervo e coleções (desde 1707), o arquiteto Nicolau Nasoni – a vida e o seu percurso artístico (1691-1773), e as suas obras no Porto e na região Norte, que marcaram a época do Barroco em Portugal.

O Museu possui um acervo constituído por bens culturais de enorme valor artístico, do século XIII ao século XXI, que se espraia nas coleções de escultura, pintura, mobiliário e ourivesaria, mensageiros de um património histórico e cultual, cuja função perdida no perpassar do tempo, deu lugar à sua musealização.

Das diferentes coleções destaca-se: a ourivesaria, composta por alfaias litúrgicas – cálices, custódias, cruzes, entre as quais um conjunto de cruzes processionais datadas do século XIV, e tem particular interesse um cruz de aplicação do século XIII; esta coleção é composta também por prataria civil, onde se incluem jarras, candelabros, salvas, e a escrivaninha que foi coeva de Nicolau Nasoni; a pintura é representada essencialmente por retratos a corpo inteiro dos presidentes e tesoureiros da Irmandade dos Clérigos, e de cenas bíblicas, cuja datação permeia os séculos XVII e XIX; a escultura é representada essencialmente em madeira entalhada e policromada, cuja cronologia se situa entre os séculos XVII e XX; e a coleção têxtil, composta essencialmente por vestes litúrgicas, sendo os paramentos mais antigos datados do século XVIII.

O acervo foi constituído, na sua maioria, por legados deixados à Irmandade dos Clérigos, por aquisição e outras ofertas, sendo que as proveniências geográficas centram-se essencialmente em centros de fabrico nacionais, mas existem peças oriundas de outros países.

A doação mais interessante sucedeu em 2015, quando um colecionador particular decidiu doar à Irmandade dos Clérigos uma coleção constituída essencialmente por figuras de Cristo, num total de 200 peças de considerável valor artístico.

LOCALIZAÇÃO
Rua de São Filipe de Nery | 4050-546 Porto  

HORÁRIO
9h00 – 19h00